O engate de reboque é legalizado pelo Detran?

Autor: Full Pneus

Compartilhar:

O engate de reboque é legalizado pelo Detran?

A maioria dos motoristas não conhecem os diversos recursos que envolvem um problema com o carro. Por isso, você sabe se o engate de reboque é legalizado pelo Detran? A resposta dessa pergunta é simples: sim.

Entretanto, existem as ressalvas que definem e orientam condutores e população em geral.

Mas por que existem essas ressalvas no código de leis de trânsito?

Primeiramente, é para informar e fazer cumprir todo e qualquer apontamento feito pelos fabricantes. Dessa forma, isso ajuda a manter a ordem. Além disso, mantém o veículo em perfeito estado de funcionamento.

Você deve se perguntar: o que isso tem haver com o engate de reboque? Como bem sabemos, sempre existe um “jeitinho brasileiro” de fazer as coisas.

E com esse jeitinho, muitas coisas acabam sendo deixadas de lado para fazer o que bem entendemos.

Um exemplo: sabia temos uma forma certa de arrumar os pertences dentro de uma carrocinha que vai ser puxada?

Sim, isso mesmo que você leu. A distribuição de peso em uma carrocinha é fundamental para que nenhum acidente ocorra.

Porém, muitas pessoas tentam facilitar a vida. Dessa forma, elas colocam os pertences do jeito que imagina que fica melhor. Sendo que, na verdade, o ideal é colocar os itens mais pesados na parte traseira da carrocinha mais próxima do veículo.

Com isso, esse peso mais próximo do veículo faz com que qualquer interferência externa mantenha a carrocinha estável. Como resultado, a carrocinha não vai contra o veículo que está puxando.

Nesse sentido, entenda como funciona esse processo com o engate de reboque.

Acompanhe a seguir!


Engate de reboque

Falando do engate do reboque, o código de lei de trânsito diz que: 

“Os dispositivos de acoplamento mecânico para reboque (ou engate) deve ser utilizado somente em veículos com peso total bruto (PTB) de até 3.500 kg conduzidos, obviamente, por motoristas habilitados na categoria B, o que inclui os carros de passeio tradicionais e também picapes como Chevrolet S10 e Toyota Hilux. 

Já em carros com PTB de até 6.000 kg, é necessário que o motorista possua habilitação na categoria C, o que permite conduzir veículos como a picape RAM 2500.”

O código também diz que o veículo deve possuir a capacidade de tracionar reboques declarada pelo fabricante ou importador. Esta informação pode ser checada no manual do proprietário do automóvel. 

Fora isso, antes de adquirir um engate de reboque, você precisa verificar se o equipamento foi fabricado por uma empresa certificada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro).

O engate de reboque deve possuir instalação adequada para um determinado tipo de carro. Dessa forma, você deve buscar por um modelo desenvolvido para o modelo do seu automóvel. 

Além disso, ele deve contar com esfera maciça para o engate. Dessa forma, o engate de reboque deve possuir uma tomada elétrica para iluminação, área para fixação de corrente de segurança e plaqueta inviolável com o nome da fabricante. 

Na peça, é aconselhável ter um CNPJ do fabricante, a identificação do registro do Inmetro. Dessa forma, a peça deve ser voltada para o modelo do veículo ao qual se destina e capacidade máxima de tração. Assim, nada de peças com formatos diferentes, como um cavalo ou peça de xadrez.

É preciso também que o engate não possua qualquer superfície cortante ou cantos vivos na haste de fixação da esfera.


Engate de reboque: reboque e multa

O código de trânsito também fala sobre o reboque mal encaixado ou mal preso. Dessa forma, está sujeito à multa quem se encontra com o reboque na situação citada anteriormente.

Se o veículo que você dirige não for certificado pelo Inmetro para ser equipado com dispositivo de reboque, você poderá ser multado pelo agente de trânsito. Ainda assim, caso a peça for instalada incorretamente de forma a prejudicar a visibilidade da placa ou dos faróis, isso resultará em infração grave. Assim, a multa é de R$  195,23. Além disso, essa multa proporciona mais 5 pontos negativos na CNH. 


Engate de reboque: problemas 

Muitas pessoas podem pensar que o engate do reboque tem a função de proteger contra outros veículos.

Quem nunca viu ou ouviu alguém falando que encostou na traseira de um carro que possuía o engate para reboque e acabou quebrando o para-choque dianteiro ou até mesmo o radiador.

Isso é muito comum no trânsito. No entanto, para quem está pensando em colocar um engate de reboque para evitar as batidas na traseira, saiba que esse efeito pode te causar um prejuízo enorme.

Dessa forma, liga-se o engate de reboque diretamente no chassi do veículo. Dessa forma, a força que esse engate recebe é bem maior do que se não existisse esse engate.

Pode causar um amassado tão profundo no chassi que pode entortar a carroceria. Nesse sentido, para fazer a manutenção dessa carroceria não é barato, se tornando mais uma dor de cabeça.

Mas, ainda assim, escolher um bom engate de reboque para o seu carro, é a opção certa para proteger a traseira do veículo.


Quais veículos podem usar engate?

Vendido como acessório, o engate para reboque varia de acordo com o peso a ser puxado. Assim, deve-se levar em consideração a capacidade de tração do carro que irá puxar o reboque.

Desse modo, carros pequenos e com motores fracos, certamente terão maior dificuldade em puxar e estabilizar um reboque. Já carros de passeio possuem capacidade de tração de 400 a 500 kg, enquanto as picapes suportam bem mais de 2 toneladas, chegando até a 6 toneladas.

Por isso, o ideal é que o modelo de veículo tenha aprovação do Inmetro para rebocar. Na realidade, o fabricante ou importador do veículo fornece a capacidade. Caso o modelo não possa receber engate, não é recomendável adaptá-lo.

De acordo com a lei, todos os veículos leves podem rebocar até o limite de 3.500 kg, dispondo de engate apropriado, desde que o modelo tenha autorização do fabricante/importador para receber o dispositivo e que não venha com o mesmo de fábrica.


Os melhores serviços automotivos do estado do RJ, estão aqui!

Portanto, se você necessita de algum destes serviços, conheça a Full Pneus e o seu portfólio! Portanto, podemos observar que vale a pena conhecer mais de perto nossa loja.

Compareça à nossa loja automotiva e confira todas as ofertas em pneus! Assim, compre sempre a sua solução na Full Pneus e tenha o seu pneu ideal!

Aproveite e venha nos fazer uma visita: Avenida Nilo Peçanha, 1249 – Rua Otávio Tarquino, 1248 – Nova Iguaçu – RJ (próximo a Via Dutra, sentido Rio de Janeiro).

Central de atendimento: 21 2765 6700 

Importante: nossa empresa possui um espaço para as crianças, onde você poderá deixar o seu filho ou filha com segurança – enquanto aguarda o final de sua compra ou serviço!

 

Redes Sociais

Facebook                 Instagram

 

Matérias Relacionadas

Conserto de rodas em Nova Iguaçu

Revisão preventiva: quando fazer?

Pneus feitos para chuva. Conheça essa tecnologia

 

Escolha o seu fabricante de pneu

Pneus RJ
pneu-michelin-rj
pneus-goodyear-full-pneus-rj
pneu-bridgestone-rj
pneu-yokohama
Pneus Dunlop RJ
jinyu-pneus-full-pneus
zeta-pneus-rj
pneus-fate-nova-iguacu
pneu-maxxis
pneu-achilles-rj
pneu-comforser-rj

temos outras marcas

Confira