Limpeza dos bicos. Quando fazer? 

Autor: Full Pneus

Compartilhar:

Limpeza dos bicos. Quando fazer? 

Sabemos que tudo na vida existe um tempo, uma vida útil. E com a limpeza dos bicos não é diferente. Por isso, quando fazer? 

Acompanhe, neste artigo, as observações para uma boa limpeza nos bicos injetores. 

Assim, existe o fator do acúmulo de sujeira.

E como isso acontece? Porque acontece? O que o danifica? Como evitar? O que fazer para resolver?

Ufa! São tantas perguntas que para resumir em um artigo fica muito difícil.

Primeiramente, vamos identificar o que é um bico injetor.


Limpeza dos bicos: o que é um bico injetor?

Bico injetor é uma peça que é responsável por injetar dentro da câmara de combustão a quantidade necessária de combustível.

Dessa forma, essa quantidade é composta por filtro, terminal injetor, mola e bobina solenóide.

Assim, o bico recebe o combustível líquido do terminal injetor antes de jogar para dentro da câmara. Como resultado, ele realiza o processo de filtragem.  

Após a filtragem, o bico pulveriza o combustível. Como resultado, haverá uma melhor queima.

Dessa forma, a queima parcial é quando o líquido é injetado de forma que não acontece a explosão total.


A importância da limpeza dos bicos para os carros 

Quando acontece uma perda de potência no veículo, pode ser ocasionada por um bico sujo.

Para quem não sabe, os bicos sujos são provenientes de abastecimentos. Mas, você deve estar se perguntando o que isso acarreta para um motor.

Além disso, o entupimento ou o acúmulo de sujeira nos bicos injetores são provenientes de abastecimentos que trazem água na sua composição.

É bem simples: não é apenas a perda de potência que um bico sujo faz, mas ocasionar outros problemas como:

  • depósito de sujeira na válvula injetora;
  • perda de força nas arrancadas do veículo; e 
  • falhas; 

Outro fator que pode ocasionar a perda de potência é o maior nível de álcool na gasolina.

Como podemos minimizar essa situação?

Tenha confiança no posto em que você está levando o seu automóvel. Além disso, não fique mudando de posto pelo valor do combustível.

Esse tipo de economia gera diversos gastos extras que na verdade poderiam ser evitados com um abastecimento seguro.

Algumas pessoas imaginam que esse tipo de alteração é só em postos de bandeira branca.

Entretanto, esse tipo de adulteramento pode e é feito também por postos de rede.

Dessa forma, podemos afirmar que esse tipo de procedimento não é realizado pelas refinarias, mas sim por quem distribui para os consumidores finais.

Alguns postos pequenos de bandeira branca possuem caminhões que buscam os combustíveis na refinaria na busca de um produto de qualidade.


Limpeza de bicos: como é descoberta a sujeira ?

Como já mencionamos, o primeiro ponto que as pessoas observam é a perda de força do veículo.

Esse tipo de observação é maior na marcha lenta ou primeira marcha, que é quando o veículo está com uma velocidade menor ou igual a 20 km/h (quilômetros por hora).

Com isso, o segundo ponto é quando o veículo começa a apresentar falhas, essas falhas também chamadas de pipocamento ou engasgamento é um sinal claro de uma má queima.

Ainda assim, o terceiro ponto é o menos comum, porém ocorre em alguns automóveis, principalmente nos automáticos, e é uma falha nas marchas altas, ou com velocidade igual ou maior que 80 km/h  (quilômetros por hora).


Limpeza dos bicos: como fazer?

Primeiramente, para realizar o abastecimento, o motorista deve levar o veículo em um local de confiança.

Dessa forma, os motoristas devem procurar um lugar onde tenham profissionais que saibam o que fazem. E, principalmente, com a aparelhagem adequada.

O procedimento é simples e tem duração de cerca de 30 minutos ou um pouco mais, isso vai depender do estado do bico.

Mas o primeiro procedimento é a passagem do maquinário. Mas, é bom lembrar que isso será feito, se o veículo estiver só apresentando pequenas falhas.Além disso, o carro deverá passar por um profissional especializado antes.

Assim, o maquinário é chamado de Raster ou Scanner. Esse aparelho faz a identificação dos principais indicadores das falhas no sistema.

Após a observação do que está acontecendo, a verificação de qual é a peça que está com defeito e for indicado o bico de injeção, os mesmos são removidos e levados para uma máquina.

Quando os bicos são postos na máquina é feito um primeiro teste que observa a quantidade de fluido que passa pelo bico. Assim, ao observar essa quantidade e estando abaixo da média, é feita a limpeza.

Dessa forma, a limpeza acontece no mesmo maquinário. No entanto, com produtos diferentes do teste, é injetada uma maior pressão. Isso acontece para que haja uma remoção de todo e qualquer material que esteja entupindo o bico.

Após a limpeza, é feito um segundo teste. Se for observado que está em níveis acima da média e dentro dos padrões, é devolvido ao veículo.

Entretanto, se não ficar abaixo da média ou ainda fora dos padrões, é refeito a limpeza, até que chegue em um nível ideal.

Ao ser colocado os bicos no veículo novamente, é necessário que seja passado o scanner e feito o pagamento do problema.

Isso resolve 90% dos casos de bico entupido.


A limpeza, às vezes, não é suficiente

Se a válvula estiver defeituosa, o especialista deve informar esse problema. 

Isso acontece, principalmente, por causa do acúmulo de sujeira que faz o componente trabalhar de maneira forçada. Assim, isso pode danificá-lo. 

Nesses casos, indicamos não somente a limpeza, mas uma uma troca para reparar o dano.

Os especialistas comentam que  não podemos mais aproveitar uma válvula injetora que trava aberta ou fechada, porque já está com problema interno. 

Além disso, a peça não pode passar por uma limpeza, pois não será efetiva. Se a válvula travar aberta, outras partes poderão ser afetadas.

Isto causa um calço hidráulico ou, se ela trava fechada, pode causar até o derretimento do pistão.

Outro ponto que vale reforçar é que válvulas injetoras não possuem reparo. Se uma válvula for reprovada nos testes aplicados pelos especialistas em limpeza no bico injetor, a substituição do componente é o procedimento mais indicado, além de ser o mais seguro para o carro.

Isso acontece por alguns motivos, entre eles, o fato de que mesmo que haja a limpeza no bico injetor na máquina e, em seguida, ele volte a funcionar, o ideal é não reutilizá-las. Os danos internos não têm reparo e isso é perigoso para o motor.


Portanto, se você precisa fazer a limpeza dos bicos injetores ou outros serviços automotivos, conte com a gente. Iremos lhe proporcionar uma solução ótima, adequada ao seu veículo!


Aproveite e venha nos fazer uma visita: Avenida Nilo Peçanha, 1249 – Rua Otávio Tarquino, 1248 – Nova Iguaçu – RJ (próximo a Via Dutra, sentido Rio de Janeiro).

Central de atendimento: 21 2765 6700 

Importante: nossa empresa possui um espaço para as crianças, onde você poderá deixar o seu filho ou filha com segurança – enquanto aguarda o final de sua compra ou serviço!

 Redes Sociais

Facebook                  Instagram

Matérias Relacionadas

Dicas de como economizar combustível

Promoção Pneus Continental 

Pneus Continental. Parceria de sucesso

Escolha o seu fabricante de pneu

Pneus RJ
pneu-michelin-rj
pneus-goodyear-full-pneus-rj
pneu-bridgestone-rj
pneu-yokohama
Pneus Dunlop RJ
jinyu-pneus-full-pneus
zeta-pneus-rj
pneus-fate-nova-iguacu
pneu-maxxis
pneu-achilles-rj
pneu-comforser-rj

temos outras marcas

Confira