Troca dos Amortecedores – Serviços Automotivos!

troca de amortecedores

Os amortecedores são uma parte primordial, dentro da composição de um veículo. Assim, possuem muita importância e devem ser revisados.

Em nossa empresa, realizamos o serviço com maestria, através da manutenção e troca deste equipamento! Como resultado, o automóvel ficará totalmente novo, mantendo a qualidade e conforto nas rodagens.

Como funciona?

Apesar de muitos condutores pensarem que a função dos amortecedores é absorver as pancadas sofridas – quando um carro cai em um buraco – não é bem assim.

Este trabalho é referente as molas. O amortecedor realiza um serviço paralelo. Ele atua como um freio, a fim de que as oscilações da mola – causadas pelos pisos irregulares, sejam encerradas!

Ou seja, mantém o contato permanente entre o pneu e o solo.

Por que é necessário realizar a troca deste componente?

Os produtos ultrapassados e danificados provocam o desgaste prematuro dos pneus, risco de aquaplanagem (perda de contato do pneu com o solo devido à lâmina de água que se forma na pista), balanço excessivo do carro, ruídos na suspensão e perda de estabilidade.

Além disso, um veículo a 50km/h, com apenas um amortecedor gasto, pode aumentar a distância de frenagem em dois metros.

Segundo testes de fabricantes, caso o carro esteja com os 4 amortecedores na metade da durabilidade em uma curva, o motorista começa a perder o controle do veículo a 57 km/h, bem antes do que o equipamento em boas condições.

Quando o amortecedor deve ser trocado?

Assim, a partir de todas as informações relatadas, é preciso se planejar e estar pronto(a) para desenvolver esta solução com antecedência (antes do componente parar de funcionar corretamente).

Portanto, a troca dos amortecedores deve ser feita após um criterioso exame visual, no qual se verifique o estado de componentes como bucha, selo, haste, dentre outros.

Além disso, deve-se estar atento(a) a possíveis vazamentos existentes. Não existe um equipamento que teste de forma eficiente o estado de cada um.

Dica importante:

Os fabricantes da peça afirmam que, em condições normais de uso (piso de asfalto bom), sua duração é – em média – de 60 a 80 mil quilômetros.

Assim, aconselham que a inspeção seja feita a cada 15 mil quilômetros, ou quando haja alguma irregularidade.

Observação: devem ser trocados aos pares (do mesmo eixo).